Chá Verde

Indíce:

Benefícios Como Preparar Para que Serve Em Cápsulas Para Emagrecer

cha verdeO chá verde é feito a partir das folhas de Camellia sinensis, as mesmas folhas de que é feito o chá preto, a única diferença é que o chá verde utiliza folhas menos oxidadas. O verdadeiro significado do termo chá é a bebida feita pela infusão de folhas de Camellia sinensis, e somente dessas folhas, apesar do termo hoje em dia, ser utilizado para descrever qualquer infusão de folhas e frutas.

Os Benefícios do Chá Verde

Inúmeros estudos sobre os benefícios do chá verde indicam que ele auxilia na prevenção de algumas doenças como o câncer. Também foi apontado que o consumo de chá verde aumenta a proporção do bom colesterol(HDL) em relação ao mau colesterol(LDL).

Em 1999, o American Journal of Clinical Nutrition dos EUA publicaram um estudo mostrando que pessoas que consomem chá verde queimam mais calorias do que outras pessoas, devido ao aumento da taxa metabólica, sendo indicado para ser incluído em dietas para perda de peso.

Outros estudos mostram que o consumo de extrato de chá verde podem melhorar a performance e resistência das pessoas que praticam esportes regularmente.

E Como Preparar o Chá Verde

  1. Na hora de preparar o chá verde, não exagere na dose da erva. Use 1 col. (sopa) rasa para 1 litro de água – fica menos amargo. Só depois que você se acostumar ao sabor, acrescente mais uma colher para a mesma quantidade de água.
  2. Preparar o chá verde com uma outra erva (fresca ou em saquinho) também melhora o sabor. Pode ser erva-cidreira, hortelã, erva-doce. Ferver a água com um pedaço de casca de abacaxi ou de manga é outra tática para deixar o chá mais gostosinho. Ou, ainda, pingue algumas gotas de limão no chá pronto.
  3. Beber o chá verde em jejum é muito sacrifício? Troque de horário. Deixe para consumi-lo meia hora antes das refeições e duas horas depois. Ou seja, evite tomar o chá de estômago vazio ou muito cheio, diminuindo o risco de sentir enjôo ou azia.

Para que serve o Chá Verde?

O chá verde apresenta propriedades antioxidantes que auxiliam no combate ao câncer e envelhecimento, já por possuir essa característica antioxidante, consegue evitar a ação das moléculas de radicais livres, que são responsáveis por degenerar as células.
O chá verde também contribui para a diminuição do colesterol ruim, (LDL) devido à presença de taninos, fortalecendo as artérias e veias, auxiliando na prevenção de doenças cardíacas e circulatórias. Apresenta também bioflavonóides e catequinas, essas substâncias são capazes de bloquear alterações celulares que são responsáveis por darem origem aos tumores. Este chá também apresenta propriedades diuréticas, é rico em manganês, potássio, ácido fólico, vitamina C, vitamina K, vitaminas B1 e B2.
O chá verde também proporciona benefícios para a pele, quando em creme, melhora o sistema de defesa das células contra os raios UVB, contribuindo desse modo para a prevenção do câncer de pele. Devido à presença de tanino, apresenta propriedades anti-sépticas e adstringentes, podendo ser utilizados para a limpeza de peles oleosas. O chá verde também contribui para a queima de gorduras corporais, auxiliando no emagrecimento.

Chá Verde em Cápsulas

A cápsula é uma boa opção para quem não tolera o sabor da erva, pois conserva todas as suas propriedades”, revela a nutricionista Patricia Quintella, do Centro Médico Richet, do Rio de Janeiro. E o melhor: combinando a incrível erva com um cardápio enxuto e balanceado, dá para secar até 5 kg em um mês!

Como e quanto tomar:

Quanto: a quantidade ideal de consumo é 500 mg por dia, de 1 a 3 vezes por dia, dependendo da quantidade de erva em cada cápsula. Evite tomá-las antes de dormir, pois, como contêm cafeína, podem atrapalhar o sono.
Onde: você encontra as cápsulas de chá verde em lojas de suplementos alimentares, farmácias e farmácias de manipulação.
Quanto: os preços variam muito, de R$ 30 a R$ 50, dependendo do número de cápsulas e marca.

Chá verde Para Emagrecer

A eficácia de bebida já foi comprovada por diversos estudos, como um publicado pelo The American Journal of Clinical Nutrition, que concluiu que a ingestão de chá verde estimula a perda de calorias e a oxidação de gordura e, por isso, tem o potencial para influenciar no peso e na composição corporal das pessoas.

O endocrinologista do Hospital das Clínicas e presidente da Abeso (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade), Márcio Mancini, afirma, contudo, que a ciência ainda não comprovou, em estudos com pessoas, o poder emagrecedor do chá verde e de seus similares. Mancini diz também que a ciência não encontrou indícios de que a bebida possa trazer riscos para a saúde, embora o chá contenha substâncias como a cafeína. Mancini explica que o café pode ser mais perigoso do que o chá verde para quem não pode fazer o uso da substância.

O médico ressalta que o chá, sozinho, não é capaz de promover o emagrecimento. Como exemplo, Mancini cita a população japonesa, que há milênios consome a bebida. “Depois que os japoneses ocidentalizaram sua dieta, eles engordaram, mesmo continuando a ingerir o chá verde em grande quantidade”, diz.

Perguntas e respostas sobre o chá?

Especialistas respondem às principais dúvidas sobre o uso do chá verde.

Qual a temperatura e o horário ideais para se beber o chá? Em jejum, o ideal é tomar o chá morno – cai melhor no estômago vazio. Nos demais horários (lanches da manhã e tarde, meia hora antes ou duas depois das refeições principais), tome-o na temperatura que você preferir – quente, frio ou gelado –, desde que tenha sido feito da maneira adequada. E se você tiver insônia, tome a última xícara no máximo até as 17 horas.

Posso adoçar o chá verde? Sim, mas use uma quantidade pequena de mel (uma colher de chá) ou de estévia. Açúcar e adoçantes químicos prejudicam o poder do chá de desintoxicar o organismo, dificultando a perda de peso.

O chá de saquinho funciona? “Geralmente, o chá de saquinho traz várias partes da planta, como folhas e talos. Isso diminui a concentração dos princípios ativos da erva e o efeito acaba sendo apenas aromático”, diz Vanderlí.

Posso tomar cápsula no lugar do chá? Ao contrário do saquinho, a cápsula costuma ter uma dose altíssima do princípio ativo, o que pode interferir na qualidade do sono e na pressão arterial. Portanto, só deve ser usada se houver a indicação de um profissional (endrocrinologista, homeopata, fitoterapeuta ou nutricionista) de sua confiança.

O chá preto e o banchá têm o mesmo efeito do chá verde? Todos os três são extraídos da mesma planta, a Camellia sinensis. A diferença é que o chá preto e o banchá passam por processos diferentes de torrefação e fermentação que reduzem os benefícios da erva, especialmente no caso do chá preto. O banchá oferece benefícios mais próximos ao do chá verde e tem o sabor mais suave.

Dá para fazer o chá horas antes de consumí-lo? O ideal é beber o chá logo após ficar pronto, antes que o oxigênio do ar destrua parte dos componentes ativos. “Mas a bebida preserva substâncias importantes para o corpo até 24 horas após o preparo. Depois disso, as perdas são consideráveis”, explica Vanderlí. Então, para facilitar a dieta, prepare de uma só vez a quantidade de chá necessária para um dia, e coloque-o numa garrafa térmica ou jarra de vidro ou inox (evite recipientes de plástico ou alumínio) dentro da geladeira.

Existe algum segredo para armazenar a erva? Em local seco, fechado e ao abrigo da luz.

Tem alguma contra-indicação? Sim. Grávidas, pessoas hipertensas ou com gastrite. Se estiver usando algum medicamento também é aconselhável perguntar ao seu médico se você pode consumir o chá verde.